Tel: 96 239 3028
E-Mail: [email protected]
Consultas Online: Skype
Membro Efetivo Ordem dos Psicólogos Portugueses
Cédula Profissional Nº 13770
 

CUIDADOS PALIATIVOS, PERDA E LUTO

É depois de desabafar através das lágrimas, por vezes, há muito contidas, que se encontra alívio e clareza de espírito para prosseguir e enfrentar o dia a dia, ou seja, o futuro. Fica-se mais sintonizado com as emoções. Há uma libertação saudável do interior para o exterior.
A expressão de sentimentos e emoções é crucial para o paciente que se encontra em fase terminal. As acções de que os autores pós-gestaltistas designam de “unfinished business” ou “ assuntos inacabados” são fonte potencial de sentimentos negativos de angústia para o doente e para os outros.
Ajudar e tratar os que estão em fim de vida, num período em que se despojam do que é secundário é, acima de tudo, um enorme privilégio. Aprendemos a valorizar o que deve ser valorizado, a distinguir o essencial do acessório, a buscar desde cedo um sentido para as nossas escolhas, a desfrutar do caminho e não apenas da chegada, enfim, aprendemos a viver melhor e a ser pessoas melhores.